Feeds:
Posts
Comentários

Calendário

07/04 (quarta-feira), às 18 horas na ECA/USP (Escola de Comunicação e Artes) – Debate sobre Mídia e Cultura do Automóvel. Após, festa de arrecadação para atividades da Rede.

25/04, às 15 horas no Espaço Ay Carmela! (Rua das Carmelitas,140 – Próx. ao Metrô Sé) – Reunião Organizativa e de Próximas Inciativas e Atividades da Rede de Luta pelo Transporte Público

Anúncios

Mais uma intervenção artística contra a péssima gestão do prefeito Kassab

Reunião da Rede Contra o Aumento da Tarifa

Data: 25.04

Hora: 14h

Local: Espaço Ay Carmela! (Rua das Carmelitas,140 – Próx. ao Metrô Sé)

_

barraroaumento.org

twitter.com/barraroaumento

Futuro

Reunião da Rede Contra o Aumento da Tarifa

Data: 07.03

Hora: 14h

Local: Espaço Ay Carmela! (Rua das Carmelitas,140 – Próx. ao Metrô Sé)

_

barraroaumento.org

twitter.com/barraroaumento

Nessa última segunda-feira, dia 01/03, ocorreu, no Auditório Teotônio Vilela da Assembléia Legislativa do estado de São Paulo, a Audiência Pública sobre o Aumento das Tarifas de Transporte Coletivo. A atividade foi organizada pela Rede de Luta Contra o Aumento, em conjunto com o mandato do Deputado Estadual Carlos Gianazzi – que manifestou seu apoio às reivindicações e propostas da Rede por meio de uma saudação inicial.

Para esse encontro, foram convidados o Secretário Municipal de Transporte – Alexandre de Moraes – e o Secretário Estadual dos Transportes Metropolitanos – José Luiz Portella Pereira. O objetivo dos organizadores da audiência era obter uma prestação de contas e esclarecimento público das secretarias sobre as motivações do aumento das tarifas dos ônibus municipais e intermunicipais, trens e metros de São Paulo.

No entanto, infelizmente os dois secretários não compareceram ao evento – nem enviaram representantes ou apresentaram qualquer justificativa para tal ausência. Essa atitude foi fortemente criticada pelos integrante da Rede de Luta Contra o Aumento – que, além de lamentarem a falta de interlocução com as autoridades responsáveis pelos transportes no município e estado, também apresentaram suas reivindicações e propostas.

Segundo os integrantes da Rede, existe um lacuna fundamental nos debates travados até aqui pelos políticos e pela grande mídia em torno da questão do aumento das tarifas – já que, na avaliação da Rede, essas discussões têm ignorado os interesses, as necessidades e os direitos da ampla maioria da população que precisa dos transportes coletivos para realizar suas tarefas cotidianas de trabalho, estudo e lazer. Por esse motivo, a Rede apresentou – em carta lida no início da audiência – suas reivindicações e propostas, como: contra o aumento dos transportes públicos em São Paulo; o custeamento indireto dos transportes coletivos (rumo a um transporte verdadeiramente público); a gestão pública dos transportes; e o combate ao transporte individual.

Lúcio Gregori – Secretário Municipal de Transportes da Gestão Luiza Erundina (1989-1992) e idealizador do Projeto Tarifa Zero – também foi um dos convidados a compor a mesa da audiência pública. Para Lúcio, além das propostas apresentadas pela Rede, devemos ter como meta ampliar o debate sobre o transporte público e a mobilidade urbana como um direitos sociais fundamentais da população. Uma das sugestões apresentados pelo ex-Secretário é a realização de uma coleta de assinaturas para inclusão de uma emenda popular na Constituição Federal ou Estadual. Por fim, Lúcio também ressaltou que apenas uma mudança de fato no paradigma e na lógica de circulação da cidade é que será capaz de questionar e reverter o atual modelo de transportes coletivos vigente – atualmente pautado pelos interesses exclusivos dos lucros dos empresários.

As intervenções da pessoas que participaram da audiência também lamentaram a ausência dos secretários e ressaltaram a necessidade de contestar, sob diferentes formas, o aumento das tarifas. Além disso, as falas ainda expressaram a vontade de apoiar e incentivar as mobilizações e medidas concretas que apontam para a constituição de um transporte verdadeiramente público.

A Rede continua suas intervenções e iniciativas no próximo domingo, dia 07 de março, quando realizará uma reunião para discutir os rumos estratégicos e desenvolvimentos de novas atividades e frentes de atuação. Esse encontro ocorrerá no Ay Carmela (Rua das Carmelitas, 140 – próximo ao metro Sé), às 14 horas. Para mais informações: www.barraroaumento.org

_

Segunda-feira, 01/03, às 13h00, ocorrerá a audiência pública sobre o aumento abusivo das tarifas de transporte coletivo na Assembléia Legislativa do estado de São Paulo, Auditório Teotônio Vilela.

A Assembléia Legislativa localiza-se na Avenida Pedro Álvares Cabral, 51.